• Evolução dos protocolos de Inseminação - Dr. Rafael Ulguim
    Grátis
    • Evolução e definição de protocolos
    • Questão 1
  • Aula 1 – Aspectos relacionados às centrais de inseminação artificial - Dra. Ana Paula Mellagi
    • Machos e alojamento
    • Questão 1
    • Coleta e análise de sêmen
    • Questão 2
    • Diluentes, diluição, envase e armazenamento
    • Questão 3
    • Controle de qualidade
    • Questão 4
    • Como decifrar problemas relacionados ao processamento de ejaculados vs. problemas relacionados aos reprodutores suínos em uma Central
    • Como as Unidades de Disseminação de Genes influenciam o desempenho à campo - SuinoCast
    • Qualidade da água utilizada para a produção de doses inseminantes - SuinoCast
    • Inseminação Artificial: O que são bons números em uma central de inseminação artificial? - SuinoCast
    • É possível otimizar as ações em uma Central de Inseminação Artificial? - SuinoCast
    • Doses inseminantes, o que é importante a granja saber? - SuinoCast
    • Otimização de Machos em Centrais de Inseminação Artificial - SuinoCast
    • Comparação de métodos de análise em sistema Computadorizado para características da motilidade de sêmen Suíno
    • Referências adicionais
    • Slides
  • Aula 2 – Protocolos de inseminação artificial: estratégias de aplicação atual e novas possibilidades - Dr. Rafael Ulguim
    • Protocolos de inseminação
    • Questão 1
    • Tendências tecnológicas e estratégias de contingência
    • Questão 2
    • Slides
    • Inseminação Intra-Uterina em Suínos - SuinoCast
    • IATF na Suinocultura - SuinoCast
  • Aula 3 - Infertilidade Sazonal em Fêmeas Suínas - Dra. Lídia Sbaraini Arend
    • Sazonalidade
    • Questão 1
    • Estresse térmico e fotoperíodo
    • Questão 2
    • Melatonina e considerações finais
    • Questão 3
    • O que se espera do desempenho reprodutivo no verão e início do outono?
    • Slides
  • Aula 4 – Aspectos relacionados ao fenótipo de baixo peso ao nascimento e qualidade de leitões - Dra. Júlia Linck Moroni
    • Introdução e programação pré-natal
    • Questão 1
    • Taxa ovulatória e dinâmica placentária
    • Questão 2
    • Consequências do baixo peso
    • Questão 3
    • O que é o Crescimento Retardado Intrauterino e qual a sua importância?
    • Leitegadas grandes e a variabilidade do peso ao nascer- por Diogo Magnabosco
    • Slides
    • Pesquisa de satisfação

Descrição do curso

Aprenda estratégias desde otimização de centrais de inseminação artificial de suínos, passando por protocolos de inseminação artificial, até infertilidade sazonal e qualidade de leitões.


Parcele este investimento em até 12 x.



 

Categoria: Reprodução

Informações gerais

Conteúdo
  • Machos, alojamento, e coleta de sêmen
  • Análise de sêmen
  • Diluentes e diluição
  • Envase, armazenamento, e transporte
  • Controle de qualidade
  • Evolução da Inseminação Artificial no Brasil
  • Definição dos protocolos
  • Protocolos de inseminação
  • Tendências tecnológicas
  • Estratégias de contingência
  • Sazonalidade em suínos
  • Infertilidade sazonal em leitoas de reposição e porcas desmamadas
  • Efeitos de estresse por calor na fertilidade
  • Efeitos do fotoperíodo na fertilidade suína
  • Programação pré-natal
  • Causas relacionadas ao fenótipo de baixo peso ao nascimento
  • Consequências do fenótipo de baixo peso
  • Repetibilidade em fêmeas
  • O que pode ser feito em relação ao baixo peso ao nascimento
Objetivo

- Entender estratégias para otimizar as centrais de inseminação artificial de suínos;

- Entender os protocolos de inseminação artificial;

- Entender a Infertilidade sazonal;

- Entender leitões de baixo peso e qualidade de leitões.

Público-alvo

Para estudantes ou graduados em: medicina veterinária, zootecnia, agronomia, técnico agrícola, e demais profissionais da suinocultura.

Metodologia

A nossa metodologia é de ponta é conhecida como "Autoaprendizagem". Como o próprio nome diz, o aluno tem liberdade nos estudos. Nesse método, você é o responsável por gerir o tempo de dedicação ao curso. Também, a dependência de outros profissionais é desconsiderada, a não ser pela seleção de um bom material de ensino. Não é necessário que cumprir horários pré-estabelecidos de estudo, o que possibilita maior flexibilidade no período de realização do curso. O método leva em consideração que o aluno reflita e entenda sobre o conteúdo antes de passar para outro tópico. Esse método estimula o seu desenvolvimento e a sua capacidade de construção de conhecimento e a sua capacidade crítica. Além de permite que você aprofunde mais nos temas que despertam maior interesse.  O aprendizado varia de acordo com cada curso, mas de forma geral é realizado através de vários suportes, sejam por meio de vídeos, links, artigos ou livros disponibilizados na internet. Sempre mediados pelo ambiente online.

Certificado

Certificado será fornecido após a finalização do curso.


Você tem 60 dias para finalizar o curso.

Professores


Dra. Ana Paula Mellagi (LinkedIn)

Médica Veterinária

Mestre em Reprodução de Suínos (UFRGS)

Doutora em Reprodução de Suínos (UFRGS e IPG, Holanda)

Pós-Doutorado na área de Reprodução de Suínos (UFRGS)



Dr. Rafael Ulguim (LinkedIn)

Médico Veterinário (UFPel)

Mestre em Reprodução de Suínos (UFPel)

Doutor em Reprodução de Suínos (UFRGS e Univ. Illinois, EUA)

Pós-Doutorado na área de Reprodução Animal (UFPel)



DraLídia Arend (LinkedIn)
Médica Veterinária (UFRGS)

Mestre em Reprodução de SuínosUnivde Illinois, EUA

Doutoranda em Reprodução de SuínosUnivde Illinois, EUA


 
 

Júlia Moroni (LinkedIn)
Médica Veterinária (UFRGS
Mestranda em Reprodução de SuínosUnivde Alberta, Canadá